Posts

Crianças também podem e devem ser estimuladas a serem empreendedoras

O empreendedorismo é algo que deve ser estimulado por qualquer pessoa ainda quando criança. Isso porque empreender nem sempre significa falar apenas de negócio, mas sim de saber lidar com metas e frustrações comuns da vida. Crianças que passam por esse estímulo ainda bem cedo, conseguem lidar melhor com situações do dia a dia, como ouvir um não ou cumprir uma meta. Além de que toda essa preparação irá permitir que a criança possa se destacar com seu próprio negócio ou até mesmo no mercado de trabalho.

O empreendedor e conselheiro da empresa Anjos do Brasil, João Kepler, reuniu várias dicas sobre como criar uma criança empreendedora. Em seu livro “Educando Filhos para Empreender”, ele explica que criar um filho empreendedor exige algumas mudanças na vida da família. “Quem adota um estilo de vida empreendedor tem uma postura diferente diante da vida”, disse João.

Ele explica que um dos métodos mais utilizados e eficazes é o de não dar mesada para as crianças. “Na minha casa, por exemplo, eu não dou mesada. Ela deixa a sensação de ter garantido alguma coisa, um fixo por mês, quando na realidade isso não existe na vida empreendedora. Dou dinheiro suficiente para eles irem à escola e realizarem outras atividades, mas eles não contam com um valor fixo por mês”, disse João.

Então se a ideia é criar futuros empreendedores, mudanças deverão ser feitas desde muito cedo. Primeiramente é preciso entender que as crianças aprendem muitas coisas ao observar, por isso o ambiente em que vivem deverá oferecer esse estímulo visual de empreendedorismo. Sendo assim, pais que são empreendedores já possuem uma dinâmica melhor para ensinar os filhos.

Conversar sobre problemas também é importante para a criança. Há quem diga que crianças não são capazes de compreender problemas, mas, na verdade, elas são sempre excluídas das decisões importantes. As crianças, assim como as pessoas adultas, devem sempre encarar os problemas de frente. Se a família está passando por problemas financeiros, a criança também deve saber. Esse entendimento permite que os pequenos desenvolvam estratégias para driblar o problema.

E como João Kepler disse, a mesada pode arruinar o futuro empreendedor de uma criança. O interessante é que os pais estimulem as crianças a desenvolverem ideias e projetos para conseguirem dinheiro. Além disso, eles devem estimular os pequenos a economizarem e a darem valor para o dinheiro.